Canoa Furada da Eficiência

190 é o número que “se liga” quando há uma emergência. O brasileiro já o conhece: virou algoritmo de rotina. Vez por outra funciona e quase sempre trava. O composto deveria ser de “excelência” igual a 10. Hoje li matéria da FOLHA sobre a MP dos Portos. Fiquei sabendo que um navio estrangeiro que chega ao Brasil precisa de 190 informações para poder atracar. Para exportar “isso” e mais “aquilo”. Seis dias são gastos com documentos para liberar um contêiner. Em Cingapura apenas um dia e nos EUA, dois. Um contêiner no Brasil custa pouco mais do que o dobro que nos portos da Europa. Nota: não adianta ligar para o 190 e reclamar do pacotaço burocrático. Recomendamos ligar direto no 181 do disque denúncia.