Fernando Py


Morreu vítima de insuficiência respiratória e pneumonia o poeta e crítico literário Fernando Py (Fernando Antônio Py de Mello e Silva), aos 84 anos de idade. Em abril de 2008 escreveu sobre o meu livro Na Linha do Cerol – Reminiscências Poéticas: “João Scortecci faz uma poesia arriscada. Não são comuns os livros de recordações pessoais em verso, mas, neste caso, o autor soube realizar-se como poeta sem apelar para o excesso de subjetivismo, sendo basicamente racional, nem para o sentimental inútil. O conjunto mostra que o poeta recria a infância com propriedade, selecionando momentos da meninice na terra natal (Fortaleza); o coloquial é enxuto e o texto, quase sempre no indicativo presente, confere uma dimensão apropriada ao que é descrito. É uma leitura que vale a pena”. Fernando Py (18 de abril de 2008)

21.05.2020