Relógio de Sol / Carlos Burlamáqui Kopke

João Scortecci universaliza os temas que o motivaram. Mostra-se, através da intuição poética, um esquadrinhador de fatos, de onde, desentranhando vida, faz confluir, para poemas de bons achados cinético-expressivos, aparências transvertidas e comutadas e, sobretudo, os mananciais psíquicos de que, verdadeiramente, o vemos dotado. João Scortecci sabe mostrar a unidade mítica das coisas, a problematicidade e o mistério que as envolvem, o que o torna um poeta reflexivo no conteúdo. É, sem dúvida alguma, uma personalidade interiorizada, alguém que pode transformar a realidade e seus desvarios em atos poéticos.

Carlos Burlamáqui Kopke